Trabalhando no Canadá!

 

Canadá é um dos países com melhor qualidade de vida do mundo. Um local com estudo, liberdade, saúde, esportes, boa economia e muitos fatores que o tornam um excelente lugar para morar.

Hoje, o Marcelo nos contou um pouco como foi a experiência dele de morar e trabalhar em Montreal. No ano de 2012, durante o segundo semestre, ele estagiou em uma empresa de consultoria  lá.

 

O programa foi intermediado pela AIESEC. Veja só como foi tudo:

 

Como você descobriu o curso?

Tinha um amigo que trabalhava na AIESEC e ele me contou sobre o programa de estágio internacional.

Você paga uma taxa inicial, cadastra seu perfil que te dá acesso a um banco de dados de estágios no mundo inteiro. Você escolhe algumas opções e passa por um processo seletivo (faz entrevistas, algumas empresas pedem provas de lógica).

A AIESEC te ajuda com todo o processo. Marca reuniões, vistos, e toda parte burocrática.

Depois de aceito, você passa para a AIESEC do Canadá. Eles te recebem lá e te ajudam.

Como achou moradia?

Foi uma oportunidade já mais planejada. Meu irmão mora em Montreal, então fiquei na casa dele.

tOCWYE_eD1jIHGqPED8dboRZEbtq7USlH-Vv1fS3J_g

Como era seu dia a dia? 

Dinâmico.

A empresa que trabalhava era pequena (optei por empresa menor), tinham 7 a 10 funcionários fixos, as vezes ia para o escritório e outras vezes fazia home officce. Era um ambiente bem informal.

Minha carga horária de trabalho eram de 5 horas por dia. Cada hora trabalhava em um lugar, por causa da rotina do escritório.

Depois do trabalho fazia algum programa, tinha bastante encontro organizado pela AIESEC. Você sai para encontrar o pessoal que ta lá – tem festas, reuniões, festas de faculdade, enfim, encontros para enturmar o pessoal.

E como já conhecia Montreal, sabia dos diversos programas, culturais e ao ar livre como os inúmeros parques que a cidade tem, o único problema é que era inverno, o frio é muito intenso, o que as vezes te faz optar por atividades em ambientes internos.

XtBaIy9DH3XuHSTPISQ2n9ILzZb-W5qkdBxnxU6CBAo

O que fazia nos finais de semana?

Viajava para esquiar – tem bastante montanha para fazer ski.

Fui para Toronto também, que é uma viagem de 6 horas de carro.

As vezes tinham coisas com o meu irmão, e as vezes tinham os programas da AIESEC (ex. parque de diversões, fazer ice skating). Como não tinha aula as pessoas marcavam bastante coisa.

sOsJKwpbgYS5zbh8wJzPxmmYu8G5PqB0GOAxmzTLyCk

Desafios?

Trabalhar em inglês.

Foi a primeira vez que trabalhei mesmo em inglês. Nesse momento que você adquire a fluência. Em vida de turista é ok, são conversas mais simples e rotineiras. Mas para trabalhar, a língua exige mais de você, precisa ser mais específico e ir direto ao ponto.

O que foi bom, pois me ajudou no meu emprego de hoje aqui no Brasil, que eu uso muito o inglês.

E outro desafio foi o clima. Era muito frio, não é fácil de se acostumar, ainda mais para brasileiros. As temperaturas variavam de -15 à -20 e podiam chegar até -35 graus celsius.

O que mais gostou?

Da rotina do dia-a-dia.

É uma vida muito mais confortável – trabalhava 5 horas por dia e ganhava um bom salário. No Canadá, o salário mínimo para estagiário é de 2000 dólares.

Tinha tempo de fazer outras coisas, como andar de bicicleta e sair – tem qualidade de vida. E da experiência de trabalhar em outro país.

Recomendo para quem fala qualquer língua ou está aprendendo, trabalhar com essa língua e cultura,  agrega muito valor, da uma posição de destaque e você ganha muita maturidade rápido.

O que evitar?

O inverno do Canadá. Hoje, iria no outono, verão, primavera, é mais agradável.

Pensa bem para onde você vai, não corra o risco de ser diferente do que você imagina – não mergulhe de cabeça sem pesquisar antes.

Dicas úteis?

Se a pessoa ta pensando em fazer programa voluntário ou estágio, eu recomendo a AIESEC. Eles tem muitos anos de existência e é uma instituição mundial.

Escolha bem a empresa onde vai trabalhar, tem que pensar na sua carreira, pensar no que vai agregar mais valor depois o estágio.

Não aceite qualquer coisa. Faça um filtro com tudo que você quer.

Tem muita opção. Seja bem criterioso para não pegar nenhuma furada.

Deixe um comentário

Please be polite. We appreciate that. Your email address will not be published and required fields are marked