Ele se mudou para Portugal e agora trabalha para ser um nômade digital

O estilo de vida de um nômade digital vêem ganhando espaço na mente de jovens. Afinal, porque deixar que o trabalho te impeça de viajar se você pode viajar e trabalhar ao mesmo tempo?!

O Murilo, com quem falamos hoje, descobriu esse modo de viver depois que se mudou para Portugal. Ele se encantou com tudo que o mundo tem para mostrar e oferecer.

Como viajar te traz conhecimentos, vindo dos próprios lugares e das pessoas que conhecemos também, ele entrou em contato com esse modo de viver e decidiu adotá-lo para si mesmo. Veja os desafios e oportunidades que o Murilo encara:

2 semanas em Londres aprendendo como trabalhar com moda mas não especificamente com design

Trabalhar com moda não necessariamente significa que você precisa ser um estilista ou ser um designer de suas próprias coleções.

É possível amar o mundo fashion e trabalhar com ele de formas diferentes.

Instituto Europeu de Design – a escola de design com unidades no Brasil, Espanha e Itália

Se você tem interesse no mundo do design já deve ter ouvido falar do IED (Instituto Europeu de Design), uma escola internacional que possui unidades na Itália (Milão, Roma, Turin, Veneza, Cagliari, Florença e Como), Espanha ( Madrid e Barcelona) e até mesmo no Brasil (São Paulo).

Ele morou 7 meses em Amsterdam, fez faculdade e conheceu a cidade toda de bicicleta

 

Cidade dos canais, das bicicletas, cervejas e ótima gastronomia! Já pensou como seria morar em Amsterdam? Pois bem, o Rodrigo, 22, nos contou sobre sua experiência de 7 meses vivendo nessa bela cidade. 

Rodrigo queria fazer um intercâmbio para

Em busca de algo diferente – como foi morar na Lituânia

Um lugar diferenciado e exótico para se fazer intercâmbio.

Foi isso que mais atraiu o Adriano, 22, a escolher a cidade de Vilnius na Lituânia para morar e estudar durante 7 meses (de Janeiro a Julho).

Integrante dos Países Bálticos, o país se localiza no centro-norte da Europa e sua língua principal é o Lituano (apesar de encontrar muitas pessoas falando Russo, graças à proximidade e relações com o país próximo). Este local é lembrado pelas