Seja o protagonista, assuma a responsabilidade!

Você estagnou em um projeto no trabalho ou na faculdade e está esperando que outra pessoa tome a iniciativa para que as atividades avancem? Quer ter uma vida mais saudável, mas sempre tem um compromisso mais importante do que a realização de atividades físicas? Está com uma relação estremecida (na vida pessoal ou no trabalho) e fica esperando que a outra pessoa tome a iniciativa e resolva a questão? Está desmotivado com sua atividade profissional atual, mas fica esperando uma oportunidade para mudar e ela nunca chega? Quer se desenvolver, mas fica esperando sua empresa lhe pagar um curso?

Um dos inibidores de sucesso mais comuns é a nossa propensão a não assumir a responsabilidade por nossas ações e esperar que alguém aja, tome uma iniciativa, assuma a culpa ou se encarregue no nosso lugar.

O protagonismo é um dos elementos principais do processo de Coaching. Assumir a responsabilidade por nossas ações, ou pela nossa falta de atitude, é essencial para que os resultados desejados sejam atingidos. A responsabilidade é sua, e ela começa com o desenvolvimento do pensamento de que você é responsável pela qualidade e tempo de entrega do resultado, mesmo quando você está trabalhando com outras pessoas ou quando acontece alguma coisa fora do que tinha planejado. Ainda quando você não tem a responsabilidade total sobre uma tarefa ou projeto, você tem a obrigação de agir e entregar resultados. Podemos pensar em alguns pontos importantes para colocar em prática essa nova atitude

Devemos reconhecer a diferença entre culpa e responsabilidade. Sempre que algo sai errado ou diferente do que planejamos, temos o hábito de procurar quem foi o culpado pela situação indesejada. Mas esse hábito nos faz olhar para trás e gastar tempo com algo que não nos levará a alcançar o resultado que estamos esperando. Na verdade, não importa quem foi o culpado, procurar colocar a culpa em alguém nos obriga a tomar medidas corretivas e inibe o aprendizado. Devemos assumir a responsabilidade, olhar para frente e nos liberar para atingir nossos objetivos.

Outro ponto importante para assumir a atitude de protagonista é mapear situações que podem ocorrer e estão sobre nosso controle, e as que não podemos dominar, assim podemos nos planejar para minimizar os efeitos das situações que fogem do planejamento. Por exemplo, você está concorrendo a uma vaga em uma faculdade e tem que realizar um teste para definir se está apto a preencher essa vaga. Você sabe qual o conteúdo que será cobrado, mas não tem controle sobre as questões que vão estar no teste. Você sabe que tem outras pessoas que estão concorrendo com você, mas não pode controlar quem serão essas pessoas, se são mais ou menos estudiosas, mais ou menos inteligentes. O que você pode controlar é seu próprio tempo e sua dedicação para estudar de forma efetiva, minimizando a possibilidade de não estar preparado para responder da melhor forma às questões do teste.

Em um mundo onde problemas estão ficando mais complexos, resolvedores de problemas determinados e proativos irão se destacar frente àqueles que vivem esperando ajuda ou que vivem culpando pessoas ou situações pelo resultado não obtido. Viver com responsabilidade nos torna indivíduos mais fortes e mais direcionados a agir, sendo primordial para o seu sucesso e só depende de você.

Aplique esse princípio do Coaching e assuma a responsabilidade por resultados em sua vida.

image5Experiência:

Professional and Self Coach pelo Instituto Brasileiro de Coaching (IBC) com as seguintes certificações internacionais: Behavioral Coaching Institute (BCI), European Coaching Association (ECA), Global Coaching Community (GCC) e International Association of Coaching Institute (ICI). Licenciada como Analista Comportamental e Analista 360o pelo Instituto Brasileiro de Coaching (IBC).

Bacharel em Administração de Empresas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ). MBA em Gestão de Negócios pelo IBMEC – RJ. Pós-Graduada em Dinâmica dos Grupos pela Sociedade Brasileira de Dinâmica dos Grupos. Especialização em Recursos Humanos pela Fundação Dom Cabral.

Atua há mais de 12 anos na área de Recursos Humanos, com ampla experiência como Business Partner de RH e como especialista nas áreas de Remuneração e Treinamento e Desenvolvimento.

Email para contato: marina.tourinho@gmail.com

 

Deixe um comentário

Please be polite. We appreciate that. Your email address will not be published and required fields are marked