Quero morar fora mas não sei por onde começar…

Muitas pessoas despertam o interesse de viver uma experiência em outro país, seja um intercâmbio educacional, um summer course, trabalho ou trabalho voluntário. Mas não sabem por onde começar.

Isso é mais comum do que imaginam. Então, não ache estranho caso você também não saiba por onde começar.

Por isso, hoje vamos explicar alguns passos para tornar seus planos de morar fora em realidade. Dá uma olhada no que separamos:

1. Pesquise

Isso mesmo, pesquise. Mas pelo o que? A resposta é por tudo que vier na sua cabeça.

O primeiro momento é para descobrir todas as opções que o mundo pode te oferecer, quais melhores cidades, tipos de moradia, o que quer aprender, se quer trabalhar ou fazer trabalho voluntário, que faculdade ou escola quer frequentar, o custo, enfim, tudo que pode ser escolhido por você para viver em outro lugar.

Lembre-se que existem mais opções e programas do que imaginamos, então, tente descobrir tudo o que puder para ter o maior número possível de opções no seu momento de escolha.

Os fatores que motivam alguém a querer morar fora variam de pessoa para pessoa. Alguns buscam um diploma, outros querem morar em uma cidade específica, então descubra o que te motiva e vá atrás.

Se você faz faculdade, não esqueça de verificar se a sua escola possui programas de intercâmbio ou parcerias com universidades no exterior.

2. Filtre

Depois de saber das milhares de opções que existem, filtre um pouco mais o que quer. Veja quais são os requerimentos para cada alternativa e se eles são possíveis para você (infelizmente existem barreiras que ainda não conseguimos quebrar). Some os custos para ver como se planejar melhor. Verifique o tipo de visto e se ele é aplicável ao seu caso.

3. Se inscreva

Separe as opções que passaram na etapa anterior, junte os documentos necessários e se inscreva.

4. Aguarde confirmação

Esse passo envolve um pouco de paciência, pois é o momento de aguardar uma resposta para saber se você foi aprovado nos programas que escolheu (caso os programas necessitem de aprovação).

5. Documentação

Uma vez aprovado no programa e definido que é isso que você quer fazer no exterior, é provável que necessite juntar alguns documentos para tirar o visto que devem ser fornecidos pela escola ou pelo trabalho. Marque uma data no consulado do país de destino, reveja os documentos que o próprio consulado pede a aplique para o visto. Aguarde resposta para saber se você foi aprovado.

6. Preparando a mudança

Depois que passou todos os passos anteriores, chegou a hora de ver passagens, moradia e malas.

Veja essas matérias que explicam melhor como fazer isso:

7. O passo mais importante

Não desanime ou desista!

Passar por todas as etapas citadas é difícil sim, mas não desista de querer viver uma bela experiência em outro país.

Todas as pessoas que moraram fora passaram por elas, então pense, porque não você?

E se em algum momento achar que precisa de ajuda, consulte agências de intercâmbios ou algum especialista do ramo.

Boa sorte com seus planos… ops… boa sorte na sua nova aventura!

Veja também:

Deixe um comentário

Please be polite. We appreciate that. Your email address will not be published and required fields are marked