Remote Year Mês 4 : LIMA

 Explorando a gastronomia, degustando piscos e realizando sonho

 

Todas as pessoas com quem eu falei durante o mês de abril me perguntaram: “Aiii como ta Lima? Você tá amando né? Dá para ver pela sua cara e pelos seus posts” – minha resposta: “Aiiii, tô, super!” – 100% verdade.

Chegar na primeira cidade com praia depois de 3 meses viajando e ser recebida com um pôr do sol espetacular já deixou uma boa impressão logo de cara, a qual só se intensificou com o passar dos dias, dias em que eu tive mais energia para acordar cedo e fazer exercício, ir até a praia nos pés dos penhascos – sim, uma caminhada de 30 minutos + uma escadaria de 89 degraus (#puglitifa) – só para passar o final da tarde, depois de um dia intenso de trabalho, sentada no píer, lendo e vendo as pessoas passearem e surfarem.

Remote Year Mês 3 : MEDELLIN

MÊS 3 : MEDELLIN

pablito e a restauração de uma cidade

 

OK, OK eu sei que estou um “pouco” atrasada com esse post que deveria ter sido escrito logo após o meu 3º mês de viagem ter terminado e está sendo postado só agora, no meio do 5º mês…MAS antes tarde do que nunca, né?

Minhas justificativas: trabalho + trabalho + um 4º mês em Lima com muito trabalho, e algumas viagens ao longo do caminho.

Remote Year Mês 2: BOGOTÁ

MÊS 2 : BOGOTÁ E SUAS MONTANHAS

verde, verde e mais verde

 

Enquanto eu escrevia esse post estava em um ônibus indo para Medellín e, olhando a paisagem em volta, tudo o que eu vi foi um resumo do que eu queria falar para vocês desse “mês 2” que já terminou – e passou voando.

Falando em paisagem, e já começando por este ponto, posso dizer com certeza que essa foi a minha maior (e melhor) surpresa sobre Bogotá: rapaaaaz eu sabia que montanhas eram legais e bonitas, o que eu não sabia era que eu ia me apaixonar perdidamente por elas – explicarei mais adiante, mas para quem não sabe (como eu não sabia) Bogotá está localizada há 2.625m do nível do mar e é rodeada pelos Andes.

Remote Year Mês 1: CIDADE DO MÉXICO

TACOS, GUACAMOLE, MEZCAL, CULTURA E SORRISOS

Tantas coisas para falar de uma cidade (imagina o país então) que precisa, com certeza, mais de um mês para ser explorada…especialmente quando você tem apenas os finais de semana para realmente explorar e ainda quer fazer viagens para lugares próximos – como Tulum, worth it!